Vôlei Positivo/Londrina sai na frente e vence ADC Bradesco pela semifinal

Publicado em: 24/03/2018 20:49
Disputa aconteceu na casa do ADC Bradesco, em Osasco (SP) (Créditos: Divulgação)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 24.03.2018

O Vôlei Positivo/Londrina (PR) saiu na frente na semifinal da Superliga B Feminina 2018, ao vencer o ADC Bradesco (SP) por 3 sets a 1 (21/25, 18/25, 27/25 e 22/25) fora de casa, na noite deste sábado (24.03). A equipe paranaense, que se mantém invicta desde o início da competição, precisa de uma vitória para garantir a vaga na Superliga.

A partida deste sábado aconteceu em Osasco (SP), no Centro de Desenvolvimento Esportivo do Bradesco. Agora, os times voltam a se enfrentar no próximo sábado (31.03), às 19h (de Brasília) em Londrina, no ginásio Professor Darcy Cortez, o ‘Moringão’. Caso o time paulista vença o segundo duelo, será disputado um golden set de 25 pontos logo após a partida, definindo o time classificado à final da Superliga B Feminina 2018.

O resultado é uma repetição da vitória do Vôlei Positivo/Londrina (PR) pela última rodada da fase de classificação, quando a equipe venceu o ADC Bradesco (SP) também fora de casa. Na vitória deste sábado, destaque para a ponteira Amanda, uma das mais acionadas. A central Ana Guth analisou a vitória fora de casa.

“Esse foi nosso primeiro desafio de dois jogos importantes para alcançarmos nosso primeiro objetivo, que é a classificação (à Superliga). Foi um jogo ‘pegado’, o time do ADC Bradesco se impôs em alguns momentos, como havia feito no outro jogo, mas conseguimos trabalhar em equipe e concluir esse primeiro passo com a vitória”, destacou.

Na outra semifinal da competição, na última sexta-feira (23.03), o Curitiba Carob House/CMP (PR) superou o São José dos Pinhais (PR) fora de casa, por 3 sets a 0 (25/22, 25/16 e 25/17), dando um passo importante na disputa por um lugar na decisão.  

O time de Londrina é o único invicto na competição e terminou a fase classificatória na primeira colocação, garantindo passagem direta às semifinais. Já o ADC Bradesco foi o quinto e passou pelo CEFA (RS) nas quartas de final. A grande decisão da Superliga B Feminina será realizada em jogo único na casa do time de melhor campanha, no dia 7 de abril.

SEMIFINAIS - SUPERLIGA B FEMININA 2018

1ª RODADA

23.03 (SEXTA-FEIRA) São José dos Pinhais (PR) 0 x 3 Curitiba Carob House/CMP (PR), no ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais (PR), às 20h -  (22/25, 16/25 e 17/25)

24.03 (SÁBADO) ADC Bradesco (SP) 1 x 3 Vôlei Positivo/Londrina (PR), no ADE Bradesco, em Osasco (SP), às 17h - (21/25, 18/25, 27/25 e 22/25)

2ª RODADA (Golden Set se necessário)

29.03 (QUINTA-FEIRA) Curitiba Carob House/CMP (PR) x São José dos Pinhais (PR), no ginásio Círculo Militar do Paraná, em Curitiba (PR), às 19h30

31.03 (SÁBADO) Vôlei Positivo/Londrina (PR) x ADC Bradesco (SP), no ginásio Professor Darcy Cortez, em Londrina (PR), às 19h

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro